in

Primeiro pagamento do Auxílio Emergencial é depositado

Muitas pessoas ainda não receberam a primeira parcela do auxílio emergencial, mesmo que milhões já tenham acesso a esse dinheiro. Porém, alguns fatores são levados em consideração, como a ordem de análise e aprovação, o que explica muitas pessoas ainda permanecerem com as solicitações em análise. Caso o trabalhador ainda não tenha recebido o primeiro pagamento do auxílio emergencial, será depositado juntamente com o segundo pagamento.

Publicidade

Foi anunciado pela Caixa, que o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial começará a ser depositado nesse quinta-feira (23). Essa parcela estava com o pagamento previsto para o dia 27 de abril, mas foi adiantado para essa quinta-feira. Caso sua solicitação ainda esteja em análise, você não perderá as parcelas que já foram pagas, caso for aprovado. Então, quando aprovado, receberá o que já de pendente do auxílio emergencial.

Datas previstas para pagamento do auxílio emergencial

Cadastrados através do site ou aplicativo

Primeira parcela: o pagamento para esse grupo de beneficiado começou a ser pago no dia 14 de abril.

Segunda parcela:

  • 23 de abril para pessoas que nasceram no meses de janeiro e fevereiro;
  • 24 de abril para pessoas que nasceram no meses de março e abril;
  • 25 de abril para pessoas que nasceram no meses de maio e junho;
  • 27 de abril para pessoas que nasceram no meses de julho e agosto;
  • 28 de abril para pessoas que nasceram no meses de setembro e outubro;
  • 29 de abril para pessoas que nasceram no meses de novembro e dezembro.


Terceira parcela

Publicidade
  • 26 de maio para pessoas que nasceram no meses de janeiro a março;
  • 27 de maio para pessoas que nasceram no meses de abril a junho;
  • 28 de maio para pessoas que nasceram no meses de julho a setembro;
  • 29 de maio para pessoas que nasceram no meses de outubro a dezembro.

Beneficiados Bolsa Família

Primeira parcela: o pagamento da primeira parcela, para pessoas que recebem o pagamento do Bolsa Família, recebem de acordo com o pagamento convencional do programa.

Segunda parcela: o pagamento da segunda parcela, no entanto, será feito nos dez últimos dias do mês de maio.

Terceira parcela: a terceira parcela, então, será paga nos últimas dez dias do mês de junho.

Cadastrados no CadÚnico

Primeira parcela: o primeiro pagamento do auxílio foi feito entre os dias 14 e 17 de abril. Então, caso ainda não tenha recebido, o valor poderá ser depositado juntamente com a segunda parcela.

Segunda parcela: a segunda parcela do pagamento será feita de acordo com os cadastrados nascidos em:

Publicidade
  • 23 de abril para pessoas que nasceram no meses de janeiro e fevereiro;
  • 24 de abril para pessoas que nasceram no meses de março e abril;
  • 25 de abril para pessoas que nasceram no meses de maio e junho;
  • 27 de abril para pessoas que nasceram no meses de julho e agosto;
  • 28 de abril para pessoas que nasceram no meses de setembro e outubro;
  • 29 de abril para pessoas que nasceram no meses de novembro e dezembro.

Quais os critérios para receber o auxílio emergencial?

Apesar de toda população sentir a crise, nem todos terão direito ao auxílio. Para recebe-lo, então, é preciso que atenda aos seguintes critérios:

  • Ser maior de 18 anos;
  • Trabalhador de maneira informal, sem carteira ou autônomo;
  • Não receber os benefícios: previdência (INSS), Assistencial, Seguro-desemprego e Programa de Transferência de Renda Federal, exceto Bolsa Família (não impede que o auxílio seja aprovado);
  • Renda mensal familiar total de até R$3.135,00 (três salários mínimos).
  • Renda mensal individual de R$522,50 (pouco mais que meio salário mínimo).
  • Não tenha declarado, em 2018, Imposto de Renda com valor superior a R$28.559,70;
  • Desemprego atualmente;
  • MEI (microempreendedor individual);
  • Não ser agente público.

Estou cadastrado no CadÚnico mas ainda estou em análise ou não fui aprovado

Para ser aprovado é preciso atender aos critérios mostrado acima. Então, é possível que mesmo cadastrado no CadÚnico, não tenha direito ao auxílio emergencial. Porém, caso atenda aos requisitos, é preciso aguardar pela análise. Assim, mesmo que ainda não seja aprovado durante o pagamento da primeira parcela, posteriormente será depositado normalmente.

Caso sua situação seja de reprovação enquanto já cadastrado no CadÚnico, é possível realizar o cadastro e solicitação através do aplicativo. Para que assim, então, seus dados sejam reavaliados. Assim, basta aguardar pelo processo de análise e caso aprovado, o dinheiro cairá na conta registrada de maneira automática. Se o beneficiado não possuir conta em bancos, será criada uma conta digital exclusiva para recebimento e saque do dinheiro correspondente ao auxílio emergencial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Imagem Cartão de Crédito Caixa Simples.

Saiba como solicitar o Cartão de Crédito Caixa Simples

Imagem faixada de uma agência Caixa.

Segundo pagamento do auxílio emergencial é cancelado pelo Governo Federal